“Stalkers” podem acabar presos.

Inspire Novas ideias - Cyber Crime

Comissão de juristas que revê Código Penal cria artigo criminalizando ‘perseguição obsessiva’, também na Internet.

A comissão de juristas que vem trabalhando em atualizações do Código Penal brasileiro se reuniu novamente nesta segunda-feira (28/05) e tipificou o crime de ‘stalking’, ou ‘perseguição obsessiva’, inclusive por meios digitais. A proposta do grupo é que o crime possa ser punido com até seis anos de prisão.

O stalking se caracteriza por alguém que persegue outra pessoa de forma intensa, invade sua privacidade e cria ameaças à sua integridade física e psicológica. É muito comum que os agressores usem a internet, email e redes sociais para a perseguição, que pode durar até vários anos.

A mudança se deu dentro de uma reforma maior do colegiado em referência aos crimes de ‘bullying’, que são o foco do anteprojeto sobre ‘intimidaçao vexatória’ e que terão pena prevista de um a quatr
o anos de prisão.

Nós vimos em:

Olhar Digital

| | | | | |

Coloral

Músico, aficionado por tubaína e novidades digitais. Planner de Social Media na Formula Ideal, desenvolvendo estratégias para campanhas e ações nas Mídias Sociais com o objetivo de criar laços de relacionamento entre as marcas e seus clientes.